Em 1890, lá no Kentucky, nasceu Harland David Sanders. Um menino comum, com um futuro extraordinário pela frente. Sanders, até os 40 anos, viveu uma vida simples: trabalhou como vendedor de seguros, de pneus e de lâmpadas, pilotou barcos de turismo e fez até partos! Até que, em 1930, resolveu comprar uma loja num posto de gasolina na beira da estrada, o que mudaria pra sempre o seu caminho. Foi ali que ele descobriu o prazer de servir aos viajantes uma comida gostosa e reconfortante: ele preparava, com todo o carinho, o mesmo frango frito que comia na sua infância. Por 10 anos, o Coronel foi aperfeiçoando a receita até que em 1940 ele chegou ao que considerou a perfeição. O frango fazia tanto sucesso que trazia cada vez mais pessoas ao restaurante do posto de gasolina. E o Coronel quis expandir seus negócios: patenteou o nome Kentucky Fried Chicken e saiu pelo país buscando franqueados. Em 1952, conseguiu o primeiro, em Salt Lake City. Em 1957, veio a ideia de servir o frango em balde, embalagem que viraria ícone da marca. E o sucesso foi tanto que, em 1964, o Coronel recebeu uma oferta irrecusável. Já com 74 anos, ele vendeu o KFC, mas continuou presente, como embaixador da marca, e se tornou conhecido como o criador da receita do Melhor Frango do Mundo, que faz sucesso em todo o planeta e é servida para milhões e milhões de pessoas, todos os dias.

10 anos depois do primeiro restaurante, o KFC já tinha 600 lojas. E 60 anos depois, já são mais de 5 mil lojas, em 120 países, com 14 milhões de clientes por dia. O que era uma receita secreta de um pequeno sonhador do Kentucky se tornou um dos maiores segredos do universo das marcas. E desse segredo, surgiu o frango mais gostoso do mundo.

Então essa história chegou aqui. A mesma receita, o mesmo padrão, mas com um tempero diferente:  um jeitinho que só o nosso país tem. Seja no atendimento, nos lançamentos ou nos molhos, o KFC Brasil sempre tem uma novidade que você não encontra em nenhum outro lugar do mundo. Nem mesmo em outro KFC.

Em 1890, lá no Kentucky, nasceu Harland David Sanders. Um menino comum, com um futuro extraordinário pela frente. Sanders, até os 40 anos, viveu uma vida simples: trabalhou como vendedor de seguros, de pneus e de lâmpadas, pilotou barcos de turismo e fez até partos! Até que, em 1930, resolveu comprar uma loja num posto de gasolina na beira da estrada, o que mudaria pra sempre o seu caminho. Foi ali que ele descobriu o prazer de servir aos viajantes uma comida gostosa e reconfortante: ele preparava, com todo o carinho, o mesmo frango frito que comia na sua infância. Por 10 anos, o Coronel foi aperfeiçoando a receita até que em 1940 ele chegou ao que considerou a perfeição. O frango fazia tanto sucesso que trazia cada vez mais pessoas ao restaurante do posto de gasolina. E o Coronel quis expandir seus negócios: patenteou o nome Kentucky Fried Chicken e saiu pelo país buscando franqueados. Em 1952, conseguiu o primeiro, em Salt Lake City. Em 1957, veio a ideia de servir o frango em balde, embalagem que viraria ícone da marca. E o sucesso foi tanto que, em 1964, o Coronel recebeu uma oferta irrecusável. Já com 74 anos, ele vendeu o KFC, mas continuou presente, como embaixador da marca, e se tornou conhecido como o criador da receita do Melhor Frango do Mundo, que faz sucesso em todo o planeta e é servida para milhões e milhões de pessoas, todos os dias.

10 anos depois do primeiro restaurante, o KFC já tinha 600 lojas. E 60 anos depois, já são mais de 5 mil lojas, em 120 países, com 14 milhões de clientes por dia. O que era uma receita secreta de um pequeno sonhador do Kentucky se tornou um dos maiores segredos do universo das marcas. E desse segredo, surgiu o frango mais gostoso do mundo.

Então essa história chegou aqui. A mesma receita, o mesmo padrão, mas com um tempero diferente:  um jeitinho que só o nosso país tem. Seja no atendimento, nos lançamentos ou nos molhos, o KFC Brasil sempre tem uma novidade que você não encontra em nenhum outro lugar do mundo. Nem mesmo em outro KFC.

Em 1890, lá no Kentucky, nasceu Harland David Sanders. Um menino comum, com um futuro extraordinário pela frente. Sanders, até os 40 anos, viveu uma vida simples: trabalhou como vendedor de seguros, de pneus e de lâmpadas, pilotou barcos de turismo e fez até partos! Até que, em 1930, resolveu comprar uma loja num posto de gasolina na beira da estrada, o que mudaria pra sempre o seu caminho. Foi ali que ele descobriu o prazer de servir aos viajantes uma comida gostosa e reconfortante: ele preparava, com todo o carinho, o mesmo frango frito que comia na sua infância. Por 10 anos, o Coronel foi aperfeiçoando a receita até que em 1940 ele chegou ao que considerou a perfeição. O frango fazia tanto sucesso que trazia cada vez mais pessoas ao restaurante do posto de gasolina. E o Coronel quis expandir seus negócios: patenteou o nome Kentucky Fried Chicken e saiu pelo país buscando franqueados. Em 1952, conseguiu o primeiro, em Salt Lake City. Em 1957, veio a ideia de servir o frango em balde, embalagem que viraria ícone da marca. E o sucesso foi tanto que, em 1964, o Coronel recebeu uma oferta irrecusável. Já com 74 anos, ele vendeu o KFC, mas continuou presente, como embaixador da marca, e se tornou conhecido como o criador da receita do Melhor Frango do Mundo, que faz sucesso em todo o planeta e é servida para milhões e milhões de pessoas, todos os dias.

10 anos depois do primeiro restaurante, o KFC já tinha 600 lojas. E 60 anos depois, já são mais de 5 mil lojas, em 120 países, com 14 milhões de clientes por dia. O que era uma receita secreta de um pequeno sonhador do Kentucky se tornou um dos maiores segredos do universo das marcas. E desse segredo, surgiu o frango mais gostoso do mundo.

Então essa história chegou aqui. A mesma receita, o mesmo padrão, mas com um tempero diferente:  um jeitinho que só o nosso país tem. Seja no atendimento, nos lançamentos ou nos molhos, o KFC Brasil sempre tem uma novidade que você não encontra em nenhum outro lugar do mundo. Nem mesmo em outro KFC.